19/08/2021 às 13:03 Instagram

Como o algoritmo do Instagram funciona

158
8min de leitura

Quando falamos de Instagram precisamos ir muito além de uma simples postagem. Entender o funcionamento do aplicativo é o que verdadeiramente vai fazer diferença em seus resultados. Da busca até a otimização de uma publicação, veja os detalhes do algoritmo do Instagram neste post.

O que é algoritmo?

Antes de mais nada a gente precisa entender o que é algoritmo. Algoritmo é uma sequência de regras que o Instagram encontrou para organizar a entrega do seu conteúdo. Com mais de 1 bilhão de usuários ativos mensalmente, esses fatores precisaram ser criados para que você não seja inundado por uma série de conteúdos que você não quer ver. Por isso, é preciso que fique claro que o algoritmo do seu Instagram não é seu inimigo.

Quando foi lançado em 2010, o Instagram era um fluxo único de fotos em ordem cronológica. Porém, conforme mais pessoas começaram a usar o aplicativo, uma quantidade maior conteúdo era compartilhada. Então, para a maioria delas, era impossível ver tudo o que era publicado, principalmente as publicações pelas quais se interessavam. Em 2016, as pessoas não viam 70% das publicações no Feed e quase metade das publicações de amigos mais próximos.

Trecho do Blog Oficial do Instagram

O algoritmo do Instagram é também uma machine learning. Ou seja, uma máquina de aprendizagem que aprende de acordo com o seu comportamento. Assim, ele consegue entender o que é relevante para você e o que vai fazer você passar mais tempo na plataforma. É por isso que a área de busca é super personalizada e varia de pessoa para a pessoa, com base nos comportamentos que ela teve nos últimos dias.

O tempo importa muito no Instagram

O Instagram não é seu inimigo, ele justamente está tentando te mostrar o que realmente faz sentido para você. Mas, ele também não é nem um pouco seu amigo. Ele é uma empresa que visa lucros. A maior receita da ferramenta vem dos anunciantes, então quando ele trackeia o seu comportamento, passa a te enviar anúncios corretos. Quando as empresas tem resultados, elas vão investir mais e mais na ferramenta e eles vão ganhar mais dinheiro.

Resumindo: quanto mais tempo você passa na plataforma, mais anúncios você vê, mais o Zuck ganha dinheiro.

É por isso que o tempo que você passa na plataforma importa muito. Como o algoritmo é uma máquina de aprendizagem, ele vai fazer com que você veja cada vez mais e mais conteúdos que gosta para não correr o risco de que você feche o app. A entrega é personalizada para cada usuário. Isso significa também que se você cria conteúdos que vão prender a atenção do usuário na plataforma, ele tem chances de ser mostrado para mais e mais pessoas.

O Instagram tem mais de um algoritmo

Por muito tempo o que a gente sabia sobre o algoritmo eram apenas suposições. Com base em vários testes feitos por especialistas, a gente deduzia que para a ferramenta, três fatores eram importantes.

  • Temporalidade: apesar do feed não ser mais cronológico, ter uma presença constante ainda era importante para o engajamento.
  • Engajamento: O número de ações numa publicação, principalmente aquelas que as pessoas levariam mais tempo para tomar, como por exemplo comentar, compartilhar ou salvar.
  • Relacionamento: o fato de você engajar e receber engajamento de potenciais pessoas. Exemplo: você é esteticista e seu público é de mulheres, entre 25-34 anos, se essas pessoas interagem com você, outras que tem um comportamento parecido também vão receber o seu conteúdo.

Essas suposições não estavam erradas. Mas, o que a gente sabe hoje é mais preciso. Começando pelo fato de que o Instagram tem mais de um algoritmo. Um para.o feed e stories, outro para a busca e um para os reels.

Como funciona o algoritmo do feed e dos stories do Instagram

As fotos e vídeos que são publicadas no feed e stories, em geral, são de pessoas que você segue. Eles elencam o que aparece primeiro e o que aparece depois conforme rastros de preferência que você deixa quando faz alguma interação. De acordo com o blog oficial do Instagram, esses fatores, em ordem de relevância são:

  • Informações sobre o post: quantas curtidas teve, quando foi publicado, qual a localização no post e no caso dos vídeos o tempo que eles tem.
  • Informações sobre quem publicou: aqui a gente tem certeza de que o relacionamento importa. É por meio deste fator que o Instagram sabe o seu nível de interesse pelo conteúdo de uma pessoa.
  • Sua atividade: é com base no que você faz na internet que ele entende o que é do seu interesse e o que não é.
  • Seu histórico de interação com alguém: também mostra a importância do relacionamento, já que o fato de você comentar ou não no post de uma pessoa ou vice-versa também é relevante.

Eu já imaginava que o fator relacionamento para o algoritmo do Instagram era importante. Afinal, uma das principais características e funcionalidades de uma rede social é essa troca. Até mesmo nos espaços offline.

É a partir destes dados que o Instagram cria uma previsão do que é interessante para você e que vai fazer você interagir e passar mais tempo na plataforma. Para o feed também importa a probabilidade que você vai passar algum tempo ali naquele post. Dependendo do caso, esse e alguns outros aspectos (não informados pela plataforma) são considerados.

O algoritmo da área explorar do Instagram

Eu confesso que essa é uma das minhas funcionalidades favoritas. Porque é aqui que a gente entende como a busca do Instagram é completamente diferente da busca do Google.

Como funciona a busca do Google: ele te retorna primeiro com os anúncios, depois com as lojas da sua localização e ao lado com mais fotos de anúncio

No Google se a gente pesquisa "loja de roupa" ele vai te dar uma lista com as lojas de roupa que estão localizadas próximo a você. É por isso que é fundamental ter um Google Meu Negócio. No Instagram isso é diferente. Baseado nas coisas que você curtiu, comentou, compartilhou e no seu engajamento, ele vai te oferecer possíveis conteúdos que você vai gostar e interagir e se você pesquisar "loja de roupa" aparecerá apenas os usuários que tem essa frase no nome ou na @, dificultando que você encontre um conteúdo ou uma conta de alguém próxumo a você.

Na foto vemos a aba de respostas do Instagram depois de digitar "loja de roupas" na busca. A imagem mostra como o algoritmo funciona.
A busca no Instagram por termos ou nicho

Agora, para ficar mais fácil de entender, clique na lupinha que tem no seu Instagram e compare com o meu:

Deu para entender agora como ele funciona? Tudo o que ele mostra para mim é baseado no meu comportamento na rede (alá o machine learning). Com tudo isso, é possível termos certeza de que grupos de engajamento são uma grande furada e podem colocar o seu alcance em risco. Agora que já deu para você entender como funciona na prática, vamos ver quais são os fatores determinados pelo Instagram:

  • Informações sobre a publicação: a popularidade de um post, ou seja, se teve muitos comentários, salvamentos, compartilhamentos e até mesmo a rapidez que estas ações tiveram após a publicação entrar no ar.
  • Seu histórico de interação com a pessoa que fez a publicação: provavelmente, a publicação foi compartilhada por alguém que você não conhece. Mas, se você já interagiu com essa pessoa, talvez tenha interesse pelo que ela compartilhou.
  • Sua atividade: os sinais incluem publicações parecidas que você já curtiu, salvou ou que receberam comentários seus, além de como você interagiu com as publicações no Explorar anteriormente.
  • Informações sobre a pessoa que publicou: os sinais incluem quantas vezes as pessoas interagiram com quem fez determinada publicação nas últimas semanas. Ou seja, seus outros posts também precisam ter um bom engajamento.

Como funciona o algoritmo do reels

Essa é a nova funcionalidade da ferramenta. Ela é perfeita para quem quer aumentar o alcance da conta, principalmente para novos usuários. Aqui, os fatores que o Instagram vai levar para te mostrar os conteúdos:

  • Sua atividade: baseado no que você curtiu e comentou anteriormente, ele descobre o que é mais relevante para você.
  • Seu histórico de interação com a pessoa que fez a publicação: mais ou menos igual ao explorar, se você não segue a pessoa, mas já interagiu com algum conteúdo dela, as chances de um outro conteúdo aparecer para você são maiores.
  • Informações sobre o vídeo do Reels: a faixa de áudio importa (ou seja, vale fazer conteúdos com as músicas que estão em alta), a qualidade do vídeo em relação a resolução também, assim como a popularidade (se teve muitas curtidas, se as pessoas assistiram até o fim ou mais de uma vez, os comentários e compartilhamentos.
  • Informações sobre a pessoa que publicou:  O instagram analisa a popularidade de um criador para mostrar os conteúdos que ela faz para a pessoa certa.

Boas práticas para ter um relacionamento melhor com o algoritmo

Não precisa se desesperar. Eu sei que é muita informação e a princípio tudo vai parecer meio confuso. Mas, aqui estão algumas boas práticas que vão te ajudar:

  • Olhe com muita atenção para os horários que você faz o seu post. Na área de Insights você descobre os melhore horários para postar. Apesar da cronologia não importar mais, se você faz um post na hora que o Instagram indica que a probabilidade do conteúdo ser lido é maior, é porque de fato ela vai ser. Este é o horário que as pessoas estão mais online interagindo, curtindo e comentando. Caso você poste meia noite ou durante a madrugada ou até mesmo muito cedo, se o seu público não está online naquele momento, provavelmente ele não vai ver o seu post.
  • Interagir com o seu público de maneira genuína é MUITO importante. O Instagram sabe quando você está burlando ele, ele sabe quando você usa grupos de engajamento porque as interações serão sempre muito parecidas e premeditadas. Não adianta também sair curtindo, comentando e salvando as coisas de todo mundo de uma vez. Faça tudo genuinamente.
  • Não adianta seguir Deus e o mundo. No começo as pessoas até seguiriam de volta. Mas, na prática essa ação está meio visada já pelo Insta. As pessoas vão seguir de volta se aquilo for realmente do interesse dela e tiver um conteúdo cativante. Se elas te seguirem, mas não interagirem com o seu conteúdo, de nada adianta.
  • Tenha constância nos seus posts!

Gostou deste post ou tem alguma dúvida? Me conta nos comentários!

Aprendeu com este artigo e vai falar sobre o assunto com base no que viu aqui? Então me cita para a gente se ajudar e ganhar ainda mais relevância juntas!

19 Ago 2021

Como o algoritmo do Instagram funciona

Comentar
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL

Tags

algoritmo do instagram dicas de instagram

Quem viu também curtiu

19 de Out de 2021

Desvendando as diretrizes do Instagram

18 de Mai de 2022

Atualizações do Instagram: o que podemos esperar?

14 de Mai de 2022

Marketing não é só Instagram

Logo do Whatsapp